quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Amizade tem idade?


Amizade tem idade?

Hoje, bem mais que antes eu tenho certeza que não.

Já escutei alguém dizer que amor e gostar não se explicam. Que essas coisas são naturais.

Um dia, lendo meu Orkut, vi uma mensagem linda de uma menininha de 16 anos que falava de amor, carinho por mim.

Recebo tantas coisas e sou tão grata a Deus por isso. Pelo amor e carinho das pessoas que não conheço pessoalmente, mas sei me querem bem, pelo que faço e mais importante, pelo que passo para elas e sou.

Enfim. Um dia, essa menininha foi me conhecer na TV, ela chegou bem quietinha, mas aos poucos a cada visita (tantas! rsrs) ela foi se soltando.

Falante? Muitooooo.

Cheia de ideias? Muitooooo.

Carinhosa? Muitoooooo.

E sem nem eu perceber, ela conquistou meu coração.

O engraçado é que quando estou com ela, parece que tenho a idade dela, rsrsrsrs.

Eita menininha danada consegue me fazer esquecer tantas responsabilidades dessa vida adulta que tão precocemente tive que aceitar.

São dias e dias com a carinha e sorriso no rosto dela. Ideias diversas para me fazer sorrir. Sabe, são coisas que nada consegue pagar, nem retribuir.

Essa lição que gratidão e reconhecimento aos atos que nos prestam com o coração eu aprendi desde cedo.

Para essa menina inteligente, tagarela, cheia de charme e que ama fotografia, sonha em ser jornalista e que cativou meu coração, deixo a seguinte mensagem:

Gabriela Veloso:

A vida é rápida demais, um dia, com a sua idade, curtindo tudo e todas as coisas que você curte também, amigos, festas, fotos, sonhos. Eu perdi minha mãe, eu, da sua idade, e ela bem mais nova que eu, com a idade que tenho hoje.

Naquele momento, eu tive que ser irmã, mãe, neta, homem do lar.

Foi duro, mas, tudo isso me fez crescer, vencer.

Talvez, muita gente nem imagina, nem sonha, das dores que escondo em meu peito.

Sem pai e mãe (pois o meu pai já havia ido embora também) eu tive que ser grande de uma hora pra outra.

Você tem todas as possibilidades do mundo em suas mãos. Sonhos e formas de realizá-los (é só querer). Não tenha pressa, viva cada etapa com o prazer do momento.

Uma mãe que te zela, e que dança divinamente bem. Por isso pare de implicar quando ela quiser dançar. Quem dera a minha ter dançando muito e muito em todas as festas e até comigo no colchão da cama, pulando , brincando.

Viva, mas saiba diferenciar amigos de colegas, desejos de amores, e só entregue seu coração para quem realmente merecer e souber valorizar.

Não ligue para o que os outros pensam. Viva as suas emoções na hora e com a pessoa certa. Que pode ser a pessoa que ficará com você ou não, mas tem que ser especial o suficiente para saber a menina especial que terá como namorada.

Seja sempre leal.

Fale a verdade mesmo que doa melhor uma dura verdade a uma doce mentira.

Ore e busque a Deus, Ele foi quem me fez o que sou, foi meu Pai, Amigo, Confidente.

Quando não tiver coragem de falar para alguém fale para Ele.

Tenha fé. Siga sempre e acredite. Não esqueça nunca essa menina linda que existe em você.

Talvez, a sua maturidade (quando chegar) separe a gente, mas, esse momento que me faz viver, me passando tanto amor, é único como tantos outros na vida. Isso também deve aprender, existem momentos que são eternizados. Únicos. Pra sempre. È isso pequena, fique triste por eu morar no Rio não.

Sempre vamos nos ver nas gravações em Recife. Outra lição e coisa para você não esquecer:

Quando somos amigos de verdade, gostamos de verdade, não existe distancia, o amor sobrevive a isso.

Amar é quando estamos dentro do coração do outro e você está no meu.

Beijos

Gardênia