sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Comemorando a vida!


Mais um ano que passou! Dizem que nosso ano começa quando fazemos aniversário. Então já posso brindar!

Que Deus me ajude me guarde e ilumine, fortaleza e amadureça. Envelhecer é um processo natural da vida, vamos observando as mudanças do nosso corpo, mas também as da nossa mente. Crescemos e começamos nos tornar mais seletos, mais observadores, menos complicados e mais gratos.

Li um livro e um relado de uma senhora me chamou bastante atenção, ela estava completando 92 anos e perguntaram em uma entrevista para o jornal local o seguinte: O que a senhora faria diferente?

Ela respondeu: “

“Se eu pudesse começar de novo, me atreveria a cometer mais erros. Eu relaxaria. Faria mais exercícios, seria mais tola. Eu levaria menos coisas a serio e iria aproveitar mais as chances. Teria viajado mais, escalado mais montanhas e nadado em muitos outros rios. Teria tomado mais sorvetes e comido menos feijão. Eu teria talvez, mais problemas verdadeiros e menos imaginários.

Veja você, eu sou uma dessas pessoas que viveu sensata e hora após hora, dia após dia. Ah, eu tive meus momentos, mas se pudesse fazer tudo de novo, eu teria mais deles. Na verdade, eu iria tentar não ter nada além deles, só momentos, um após outro, em vez de viver os anos a frente. Tenho sido dessas pessoas que nunca sai para qualquer lugar sem um termômetro, uma bolsa de água quente, uma capa de chuva e um paraquedas, se eu pudesse ter minha vida de volta, eu começaria andar descalça na primavera e assim iria até o outono. “Eu dançaria mais, me divertiria mais nos carrosséis, iria pegar margaridas” (Nadine Stair).

Guardo com muito carinho essas palavras lidas, pois sempre fui e ainda sou um tanto preocupada, ansiosa e certa vez disse o Pedro Bial: “Não se preocupe com o futuro”. Ou então se preocupe se quiser, mas saiba que pré-ocupação é tão eficaz quanto mascar chiclete para tentar resolver uma equação de álgebra.

Mas o tempo, o tempo é bom para irmos aprendendo e vivendo, cada dia que passamos é diminuída dos nossos anos, a vida é tão curta. Mas é tão bonita, bonita e é bonita!

Hoje me lembrei dos amores que se foram para sempre, pessoas que o meu coração não permite esquecer, lembrei-me do meu pai dançando comigo na sala, um menino de 30 anos que se foi cedo demais, mas viveu intenso demais. Lembrei-me do seu sorriso e de uma lição que me deixou: CORAGEM!

Lembrei-me da minha mãe, linda, sorridente e menina, cheia de vida, sonhos e apaixonada, foi embora também muito cedo, cumpri o que me pediu , cuidei das minhas irmãs, estão lindas e mulheres formadas com suas famílias. Lembrei do meu pequeno irmão, anjinho, ainda tenho o seu ursinho preferido, quando a saudade aperta demais, toco sua canção.Da bisa com seu cheirinho e colo macio, do vovô, da tia Juju, do Dian , do Tony que fizeram parte da minha adolescência .Sorri porque sei que tenho anjos lindos e o céu está cheio de gente que me ama, me guarda, me quer bem. Sorri, porque tive a oportunidade de conhecer vocês, conviver. Aqui é uma passagem.

Hoje, é um dia de agradecimento, então minhas estrelas só posso dizer: Muito obrigada! Hoje o céu está cheio de risos pra mim!

Já lutei muito, cheguei a Recife menina, cresci e lá vivi momentos maravilhosos. Fui acolhida, fui amada, vivi experiências perfeitas com o programa Bem Star que ficou no ar um ano e depois o Bem viver seis anos me trazendo alegrias e aprendizados. Hoje revi fotos, cartinhas, presentes, e as mensagens que recebo diariamente? As frases, o carinho desse povo de Pernambuco. Foram 17 anos na terra dos altos coqueiros, amigos eu fiz, pessoas que moram no meu coração, que jamais esqueço saudade.

Queria um espaço aqui para colocar fotos de todos vocês, mas sintam-se beijados, queridos, amados.

E minha vida nova?

Um dia conheci um rapaz em um evento em Pernambuco, uma borboleta posou em seu ombro e algo me disse naquele momento que minha vida iria mudar para sempre.

Namoramos , noivamos e casamos, nasceu meu anjo que eu sonhava havia algum tempo, Miguel chegou coroando uma vontade de constituir família, pra mim é a base e um ser humano que é amado, tem muito mais possibilidade de crescer e ser um homem do bem.

“O amor muda e transforma a vida das pessoas, com amor tudo é possível”.

Acreditei e com isso decidi mudar, vir, arriscar, seguir e amar. Hoje me dou conta que sou completa, quando acordo e vejo o sorriso do meus filho e o cuidado do meu marido lindo, amor.Ainda de quebra ganhei uma família linda Uai! Rsrs

Saudade? Sinto muita, do meu sertão que ficou ainda mais distante, minha terra das cachoeiras onde cresci ,vivi. Das minhas irmãs, minha avó Lia que amo tanto, Teka, Wilson, meu tio, primos e do ar que me lembra quando tudo era sem faltas, sem sequelas e quando eu era criança em Paulo Afonso. É tão bom não pensar em nada!

Mas é tão bom ter no que pensar!

Amigos eu tenho, muitos e poucos, poucos completos e muitos que eu sei me querem bem. Mas também sei que tenho desafetos, motivos? Nem sei certamente, mas vez em quanto via olhares atravessados. Acho que sempre tive uma personalidade forte, sempre me vestia como queria e sempre fui muito decidida ao caminhar, ser, querer. Falar o que pensaamos choca! As pessoas estão mais acostumadas com a “Maria vai com as outras”. Bom, mas como dizem nem Jesus agradou a todos! Imagine eu?

Sempre gostei de gente, rir, coisas simples ao mesmo tempo em que como uma boa leonina adora bons restaurantes, ficar bem arrumada, cheirosa e com coisas boas. Mas gente é muito bom, rir, conversar, aprender, sentir, viver! Adapto-me fácil ao casebre e ao castelo, depende muito da companhia, rsrs.

No final todos iremos para o mesmo lugar, o que sobra é pó dessa matéria e lembranças, história. Então quero escrever muito bem a minha.

Aos meus amigos de verdade, eles sabem a quem me refiro amo vocês e guardo-os no peito. Aquelas que choraram comigo, oraram comigo, viveram comigo. Amigos é a família que escolhemos. Em Recife sozinha, vivi muito bem o sabor da verdadeira amizade. Uma vez estive em um sono tão profundo que algumas amigas arrobaram minha porta, kkkkk, pensavam que eu havia morrido. Deus!

Hoje é um dia especial, já me olhei no espelho, vejo mudanças, mas gosto do que vejo, me amo e sempre me amei demais!

Essa é uma lição aprendida, dentre tantas outras que aprendi e aprendo dia após dia.

Tenho muitas metas para alcançar, mas já consegui várias, algumas me fazem ficar congeladas olhando e sentindo a respiração, rsrsrs, imaginam de quem falo agora? Claro, Miguel. Ele me ensina a cada dia que a vida é uma mudança constante, um dia desses estava com o pequeno nos braços, hoje já conversa comigo, me faz rir quando nem estava com vontade e me ensina que existe sim um amor incondicional.

Mas, acima dessas lições que aprendo com o presente para uma evolução mais acelerada que é o prazer de ser mãe, percebo também que a cada dia podemos mudar para melhor e não mudar para perdermos nossa essência.

Ontem, caminhando pela praia, olhei para o céu e me surpreendi com a beleza da lua, da natureza. Ainda suspiro e isso me deixa em paz, vejo que aquela menina ainda existe.

A menina que subia nas caixas d águas de Itaparica para ver as estrelas mais perto.

A menina que matava aula para tomar banhos de cachoeiras em Paulo Afonso.

A menina que ama sua família, mesmo aqueles que estão longe, se fizeram longe.

A menina que amou intensamente e viveu intensamente.

A menina que virou uma mulher, mas que ainda mora aqui dentro.

São anos vividos, são 38 anos bem vividos!

Sem vergonha de dizer, estou linda! Acho-me linda! Acho que todos deveriam ser assim. Somos únicos e isso que faz a beleza da vida.

Somos filhos de Deus!

Falando em Deus o que Ele representa pra mim? Meu pai quando precisei de um conselho, meu melhor amigo nos tempos difíceis, minha força. Acredito Nele e não me envergonho, amo e sou filha e “Escolhida”.

Hoje eu só posso agradecer as orações, as mensagens lindas, as pessoas que durante todo o ano me dizem com gestos simples que me amam, me querem, me conhecem.

Isso que me faz feliz! Quem me conhece de perto sabe exatamente aquilo que sou! Meu caráter, meus desejos, minha essência. Basta!

Ainda falta muito, estrada longa eu espero, quero florir, plantar boas sementes. Acredito que as sementes de hoje são as flores do amanhã.

Quero ver muitos filmes, ler muitos livros, viajar, dançar, sentir o cheiro bom das coisas. Voltar apresentar um programa com o perfil de fazer o bem quero criar meu filho e quero continuar vivendo. Medo de envelhecer? Confesso que tenho, mas dando de ombros nesse momento. Só não envelhece quem morre. Quero é envelhecer bem!

Obrigada Senhor, ainda quero ver muitas estrelas e luas cheias como a que teremos hoje no céu do Rio de Janeiro, cidade que nem imaginava morar, mas a vida é assim: Cheia de surpresas!Eis a graça, somos apenas a plateia. Viva e querendo assistir esse espetáculo!

Sempre lembrando: “O que vale não é o que temos na vida, mas quem temos na vida”

Sou rica demais!